Galinhada fácil

Média de avaliação
  • Rendimento

    6 pessoas

  • Tempo de Preparo

    00:50

INGREDIENTES

  • 1 frango inteiro caipira, da linha Nhô Bento, dividido em 8 pedaços grandes
  • 1 colher (chá) de colorau
  • 2 colheres (sopa) de azeite
  • 1 cebola média picada em cubinhos pequenos
  • 3 dentes de alho picados
  • 2 colheres (sopa) de extrato de tomate
  • 3 xícaras (chá) de arroz
  • 1 ½ litro de caldo de galinha
  • 300 g de quiabo cortado em cubos 
  • 1 xícara (café) de salsinha
  • 1 colher (sobremesa) de sal
  • Pimenta a gosto

MODO DE PREPARO

  1. Comece a cortar o frango separando as coxas, as sobrecoxas, as asas e as coxinhas das asas.
  2. Depois, corte o peito do frango ao meio e cada metade em mais três pedaços. 
  3. Tempere o frango com o colorau, o sal e a pimenta em uma tigela.
  4. Reserve por 20 minutos.
  5. Em uma panela grande, coloque o azeite, a cebola e o frango e frite até dourar.
  6. Acrescente o alho, o arroz e o extrato de tomate e refogue bem (por cerca de 2 minutos).
  7. Despeje o caldo, tampe a panela e cozinhe por 20 minutos em fogo brando.
  8. Após esse tempo, abra a panela, acrescente o quiabo e mexa bem.
  9. Tampe a panela e cozinhe por mais 3 minutos.
  10. Tire do fogo, adicione a salsinha e sirva.

Extra

Sobrou? Faça bolinhos de arroz!

Modo de Preparo

  1. Desfie a carne do frango e junte novamente ao arroz.
  2. Para cada 2 xícaras de arroz adicione 1 ovo, 1 colher de sopa de fermento em pó, 1/2 xícara de leite e 1/2 xícara de farinha de rosca, e misture bem.
  3. Em óleo quente, coloque os bolinhos às colheradas e frite até ficarem dourados.

CURIOSIDADES

Típica do interior do Brasil, especialmente dos estados de Minas Gerais e Goiás, a galinhada é um patrimônio dos bandeirantes de origem portuguesa. Na época, eles tinham o hábito de preparar uma espécie de arroz com galinha ensopada para obter “sustança” e seguir desbravando o sertão colonial. Com o tempo, esse prato foi sendo incorporado pelas famílias interioranas e ganhando ingredientes que mudam de região para região.

A galinhada mineira, por exemplo, tem o frango caipira inteiro, colorau ou açafrão, pimentão verde e os temperos frescos. Já a versão goiana se diferencia pelas iguarias tradicionais do Cerrado, como o pequi, uma frutinha de cor amarela e sabor marcante, e a guariroba, um tipo de palmito com gosto amargo característico.

Como fazer galinhada e surpreender os convidados

Para fazer uma receita de galinhada tradicional não há muitos mistérios. Basta seguir o nosso passo a passo, temperar bem o frango e se certificar que o arroz e a carne cozinhem em fogo brando para ganhar cor e sabor. Em vez de utilizar água para o cozimento, prefira um bom caldo de legumes ou frango, que pode ser obtido a partir do reaproveitamento de outras preparações.

Essa galinhada fácil já é uma delícia por si só, servida como prato único. Mas se você preferir uma refeição ainda mais completa, faça um vinagrete de milho e um caprichado tutu de feijão mineiro para acompanhar. Bom apetite!