Sopa de abóbora com frango

Média de avaliação
  • Rendimento

    4 pessoas

  • Tempo de Preparo

    00:45

INGREDIENTES

  • 3 colheres (sopa) de cebola ralada
  • 1 1/2 colher (sopa) de manteiga
  • 450g de abóbora japonesas em casca, cortada em cubinhos
  • 2 xícaras de água fervente
  • 2 1/2 xícaras de leite
  • 2 tomate italiano sem pele e sem sementes, amassados até virar purê
  • 1 pitada de sal
  • 350g de frango cozido desfiado

MODO DE PREPARO

  1. Em uma panela média, refogue a cebola na manteiga até murchar (sem deixar dourar).
  2. Acrescente a abóbora, a água, o leite, o tomate e o sal e deixe ferver em fogo moderado até a abóbora desmanchar.
  3. Retire do fogo, deixe esfriar um pouco e passe pelo processador até obter um creme.
  4. Junte o frango desfiado e sirva.

CURIOSIDADES

Essa é uma sopa de abóbora clássica, fácil e muito rápida de fazer. Você  precisará de poucos ingredientes para criar um caldo encorpado, nutritivo e cheio de sabor para toda a família. De tão simples e saborosa, essa sopa de abóbora com frango é uma daquelas receitas curingas que você irá querer preparar de vez em quando, especialmente no inverno. Sirva com torradinhas amanteigadas ao lado e pronto: todo mundo vai adorar!

Congele o seu caldo de abóbora

Os dias mais frios pedem uma refeição quentinha e aconchegante, como sopas, caldos e cremes encorpados. Mas, às vezes, o preparo rende uma quantidade acima do esperado e o excedente acaba virando as refeições dos próximos dias. Isso fica muito repetitivo, não?

Se o seu caldo de abóbora com frango sobrar na panela, congele o líquido em pequenas porções. Quando você quiser consumir novamente, basta retirar a sua sopa de abóbora do freezer algumas horas antes, reaquecer no fogão e decorar imediatamente antes de servir.  

Dica extra: sopas com muita batata ou leite, como a nossa sopa de frango com leite de coco, mudam de textura e os ingredientes possivelmente se separam quando descongelados. Já as sopas engrossadas com amido de milho ou ovos podem ficar ralas e aguadas quando reaquecidas. Portanto, se possível, prefira congelar os caldos à base de água.